Histórico
EMail

A Universidade Federal de Santa Catarina apresenta um amplo histórico de atividades de ensino, pesquisa e extensão ligados à Reforma Agrária.

Nossa Universidade desenvolve, há mais de uma década, atividades educacionais voltadas aos povos do campo já atendidos, ou ainda em espera, por projetos de reforma agrária no Estado de Santa Catarina e de outros Estados em parceria com os Movimentos Sociais e com o INCRA, através do PRONERA.

O Centro de Ciências da Educação e o Centro de Ciências Agrárias (neste em especial no LECERA) têm desenvolvido projetos em diversos níveis que abarcam da alfabetização de Jovens e Adultos à pós-graduação em nível de mestrado.

Como exemplo da viabilidade desta parceria, elencamos os projetos já desenvolvidos no CED/UFSC, mediante a disponibilidade de recursos financeiros do PRONERA:

• 2001 – Projeto “Alfabetização e liberdade: interação entre sujeitos educadores”: com 30 turmas (30 educadores) de alfabetização de jovens e adultos do campo, totalizando 600 educandos;

• 2004 – Projeto “Alfabetização e liberdade: interação entre sujeitos educadores”: com 74 turmas (74 educadores) de alfabetização e escolarização (1º segmento do Ensino Fundamental) de jovens e adultos do campo, totalizando 1480 educandos;

• 2004 – Curso técnico (Ensino Médio) em agropecuária com ênfase em agroecologia: com 50 alunos, na Escola 25 de Maio, em Fraiburgo;

• 2005 – Projeto “Educação e cidadania: interação entre sujeitos educadores”, com 71 turmas (71 educadores) de escolarização (1º segmento do Ensino Fundamental), totalizando 1420 educandos.

• 2006 – Curso de Especialização em Educação de Jovens e Adultos do Campo, para 50 educadores e educadoras atuantes nesta modalidade em áreas de reforma agrária advindos de todo o território brasileiro.

• 2009 – Curso de Pós-graduação Lato Sensu “Ensino de Ciências Humanas e Sociais em Escolas do Campo, para 50 professores em exercício de docência na área de Ciências Humanas e Sociais em escolas de assentamentos de Reforma Agrária e coordenadores pedagógicos de escolas do campo e formadores de Movimentos Sociais organizados do campo.

• 2009 – Educação de Jovens e Adultos do Campo – Ensino Médio, para 200 jovens e adultos do campo do Estado de Santa Catarina.

• 2009 – Curso de Especialização em Agroecologia – 60 educandos e educandas das áreas de reforma agrária de todo Brasil.

• 2013 - Curso de Especialização em Educação do Campo e Desenvolvimento Sustentável com base na Agroecologia (Residência Agrária), para 50 estudantes dos Estados da região sul do Brasil.